Início » Notícias » Festas das Vindimas Montmartre | Terras de Trás-os-Montes Mostram-se em Paris

Festas das Vindimas Montmartre | Terras de Trás-os-Montes Mostram-se em Paris

Entre 13 e 15 de outubro Paris recebeu a Festa das Vindimas de Montmartre e os aromas e sabores das Terras de Trás-os-Montes marcaram presença na iniciativa. A Comunidade Intermunicipal das Terras de Trás-os-Montes- CIM-TTM- participou nesta que foi a 84ª edição da Festa,  numa ação de promoção do território e dos seus produtos endógenos.

Da região chegaram as castanhas, assadas como manda a tradição, e com elas veio também o tradicional verão de S. Martinho. O bom tempo que se fez sentir trouxe milhares de pessoas ao certame que não ficaram indiferentes aos sabores das Terras de Trás-os-Montes. À castanha juntou-se o fumeiro, queijos, compotas, amêndoas, azeites e vinhos. No stand das Terras de Trás-os-Montes, entre provas e demonstrações das potencialidades gastronómicas dos produtos locais conduzidas pelo Chef António do Rosário a qualidade e sabor autêntico destes conquistou franceses e turistas de várias nacionalidades. No final, ficou a promessa de uma visita a Portugal e às Terras de Trás-os-Montes para provar “in loco” as iguarias e descobrir um território que é cada vez mais “O Destino Natural”.

A Festa realizou-se numa das zonas mais movimentadas e turísticas de Paris, junto à Basílica do Sacré Coeur, com uma vista deslumbrante sobre a capital Francesa. Trata-se de uma Festa organizada desde 1934 com o objetivo de celebrar a chegada do vinho do Clos Montmartre. É  o 3º evento parisiense mais frequentado depois da ‘Nuit Blanche’ e de ‘Paris Plage, com mais de meio milhão de visitantes e que este ano teve Portugal como país convidado.

Para além das Terras de Trás-os-Montes marcaram presença mais 4 regiões portuguesas: Tâmega e Sousa, Região de Coimbra, Beiras e Serra da Estrela e Beira Baixa.

O desafio foi lançado pela Câmara do 18° Bairro de Paris, organizadora do evento Fête des Vendanges de Montmartre. A CIM-TTM fez desta participação forma de divulgar o potencial turístico do território e de afirmar a qualidade dos seus produtos locais, junto de um público que tem vindo a demonstrar interesse crescente por Portugal. Recorde-se que Portugal registou, em 2016, um aumento de mais de 17,6% no número de turistas franceses. Trata-se do maior aumento de sempre, confirmando que os Franceses ocupam o 3º lugar no ranking de quem visita Portugal.